sábado, 17 de janeiro de 2015

Falha no coração

Uma mãe, é sempre uma mulher especial nas nossas vidas. É uma parte importante de nós. E quando ela falta, é sempre uma falha, um buraco que o nosso coração tem. Mesmo que a nossa mãe não esteja presente, mesmo que seja alguém que nos deixou, mesmo que seja uma má pessoa. Faz sempre - sempre - falta. A minha sempre fez. Sempre tive a minha avó - que infelizmente já perdi - que ocupou o lugar dela de forma única. Mas mesmo assim, eu sentia falta dela. A minha mãe teve uma depressão quando eu tinha dez anos e o sentimento de revolta que ela tinha para comigo intensificou-se. Era impossível viver com ela e vivi até aos dezasseis anos com os meus avós. Actualmente, estou em casa dos meus pais, e as coisas funcionam dentro do aceitável. Todos os anos, peço para a minha relação com ela mudar - e por muito que eu queira e tente - nunca acontece. 


11 comentários:

  1. Não imagino sequer como é crescer sem mãe, mas força *

    ResponderEliminar
  2. Eu senti isso com o meu pai. Infelizmente, comigo não há volta a dar, mas espero que tu consigas :)

    ResponderEliminar
  3. Também gostava de ter uma melhor relação com a minha mãe...
    R: Obrigada, querida. Sempre que precisares, podes contar comigo :)

    ResponderEliminar
  4. Sempre ouvi dizer que mãe é aquela que nos dá amor. Eu, felizmente, tenho uma relação muito boa com a minha. Temos as nossas discussões, mas faz parte do crescimento. Sei que um dia, ela me vai fazer muita falta =(

    ResponderEliminar
  5. Adoro a minha mãe e temos uma relação excelente, nem quero imaginar se fosse de outra forma. Espero sinceramente que consigam resolver as coisas.

    ResponderEliminar
  6. O sentimento que tens para com a tua avó... Sinto o mesmo!

    ResponderEliminar
  7. Percebo o que dizes, não vivi tanto tempo com a minha avó mas sempre senti que era mais próxima dela que da minha mãe. Vivi com ela até aos 9 anos. Ela ainda é viva e passamos muito tempo juntas e embora agora já viva com os meus pais as coisas nunca foram como eram quando vivia com a minha avó. Com ela eu sentia-me à vontade, não tinha vergonhas nem preconceitos de ser quem sou por inteiro porque no fundo foi ela quem me ensinou a ser quem sou. Não sei o que será de mim quando ela falecer :s

    ResponderEliminar
  8. Eu sinto tanta falta da minha...e por muitos anos que passem vou sentir sempre um buraco no coração!

    ResponderEliminar
  9. Eu tenho uma boa relação com a minha mãe, temos vários atritos uma com a outra mas acho que isso faz parte. Conforta-me saber que se precisar de qualquer coisa ela vai cá estar! A minha avó também tenho um lugar muito especial no meu coração, foi também como uma mãe para mim :)

    ResponderEliminar
  10. se calhar a tua avo significa aquilo que a mãe devia significar! força!
    segui*

    ResponderEliminar