quinta-feira, 23 de julho de 2015

Corgas - a viagem.


A nossa viagem até ao Norte começou na noite de sábado. Tudo indicava que ia ser agradável: a boa companhia, a música do rádio, boas conversas e GPS no telemóvel. Eram nove da noite quando a nossa caminhada começou.  Estava tudo bem até chegarmos a Coimbra e a bateria do meu telemóvel ter - simplesmente - acabado. Quando saímos da auto-estrada, foi-nos dada a indicação que teríamos que fazer inversão de marcha para entrar no - maldito - IP3. Mas, em vez de seguirmos a placa, entramos novamente na auto-estrada. Tudo isto porque nesse preciso momento a bateria terminou e os nervos consumiram-nos. É verdade, eu confesso, não soubemos distinguir a direita da esquerda.
Foi nessa altura que a busca pelo IP3 começou e  ficámos entregues à nossa - pouca - orientação.   

Eram três da madrugada quando chegámos. Deixo-vos um conselho: Nunca queiram entrar na auto-estrada por engano. É meio caminho andado até à desgraça se tiverem o azar de não existirem saídas nas proximidades. 

9 comentários:

  1. Ah boa viagem, espero que te divirtas!

    ResponderEliminar
  2. Eu teria desistido e voltado para trás! Vá lá o pior já passou, agora diverte-te ;)

    ResponderEliminar
  3. Agora que a pior parte acabou... é aproveitar ao máximo! ;)

    Um beijinho e boa estadia
    http://www.abreapestana.com

    ResponderEliminar
  4. Olha, já tens uma história divertida para contar aos teus netos um dia :p

    ResponderEliminar
  5. O meu pai é o mestre do 'Chego lá mas 3 horas depois' a partir do momento que ele se engana instala-se um stress entre ele e a minha mãe que é digno de abrir a janela e saltar ahahahah

    ResponderEliminar